Rss
0

Luiz Gonzaga e o Falso Evangelho da Teologia da Prosperidade



Em um Final de semana em que a Marcha pra Jesus, o Fortal e o Halleluya eram as grandes sensações do momento, ignorei totalmente tais eventos e decidi sair para ver uma exposição chamada o “Imaginário do rei”, que faz menção ao Centenário do famoso sanfoneiro “arretado”, chamado Luiz Gonzaga.

Alguns podem estar se perguntando: Poxa, o que tem haver Luiz Gonzaga como a Teologia da Prosperidade? Calma Galera, Como fala Jack, o estripador, vamos por partes. Em sua vida, Luiz Gonzaga deixou uma regionalidade em suas músicas, pouco aproveitados por muitos.


Na Imagem acima, o trecho da música “A Morte do Vaqueiro”. O que podemos aprender com tal frase? Bom, vamos lá. Enquanto o Evangelho de Sucesso prega que você tem que ser próspero, que pobreza é sinônimo de maldição e que a doença é consequência de pecado, aprendemos nesse trecho que, podemos ter alguma coisa nessa Terra, mas não poderemos levar os bens materiais quando morrermos, além de que vamos ser esquecidos com o passar do tempo.

Depois da morte, segue-se o Juízo, (Hebreus 9.27). O Falso Evangelho da Prosperidade faz com que as pessoas armem suas tendas aqui nessa Terra e decretem que tais devem ter o melhor de Deus aqui, mas o crente em Jesus sabe que somos Peregrinos (Salmo 119.19) e que a nossa morada está no céu (Filipenses 3.20).


Enquanto os Falsos propagadores do Evangelho de Sucesso buscam o caminho das riqueza$, Luiz Gonzaga mostrava a simplicidade e o amor por sua terra, o nordeste. A Igreja de Jesus Cristo deve mostrar o caminho ao povo, e o caminho é Jesus de Nazaré (João 14.6). A Igreja deve sair de dentro das quatro paredes e ir ao encontro do povo e mostrar o caminho ao povo.


Por último, Não queira ser como esses falsos homens que querem deixar um legado de Riqueza misturado com desonestidade, corrupção e fraude. De quem será o que tens preparado? (Lucas 12.20). Viva uma vida nos caminhos do Senhor Jesus, sendo honesto, íntegro e justo, pois é melhor ser cheio do Espírito Santo e andar numa bicicleta, do que andar de limusine e ser vazio de Deus. Viva a Graça Comum, e louvado seja o nome do Senhor Jesus.


E só pra deixar bem claro: Sou Cearense e com muito orgulho. Deus abençoe o nosso Nordeste.




0 comentários:

Postar um comentário