Rss
0

O Céu é o Limite!



Por Marcos André

Good morning, people!

Hoje me sinto bastante feliz e gostaria de compartilhar um pouco dessa felicidade com vocês.
O grande motivo é a oportunidade de mais um dia.

E sabe o que isso quer dizer? Significa mais uma oportunidade para viver, agradecer a Deus e aproveitar cada um dos momentos e oportunidades que Ele nos concede para uma existência que realmente vale a pena!

A frase deste post com certeza já foi lida, vista ou ouvida pela maioria dos leitores pelo menos em algum momento da vida. E ela pode ter uma série de significados e ter uma importância diferente para várias pessoas. Depende do ângulo ou da forma que cada um de nós a enxerga.

Para os que se sentem muito orgulhosos de si mesmo, isso significa que nada nem ninguém podem atrapalhar seus objetivos ou sucesso. Para os que sentem estar próximos da morte ou perdem entes queridos, talvez esta realidade seja um pouco mais dura, mas não deixa de ser uma realidade significativa. Para os mais aventureiros, significa um estímulo a mais para tudo que possa trazer mais emoção e adrenalina.

E para os apaixonados, simplesmente: não há limites! (com você não hááá limites....rsrs)
A grande verdade é que para todos, desde os mais novos aos mais velhos, o céu traz um pouco de grandeza e mistério, como se parecesse transmitir uma mensagem a todos aqueles que vivem aqui embaixo.

Um versículo da Bíblia reflete de forma impactante a confiança e dependência que o Salmista depositava em Deus:

No céu eu só tenho a Ti. E, se tenho a ti, que mais poderia querer na terra?” Salmos 73:26

Apesar de este salmo não ter sido por Davi, muitos foram escritos por eles e esta passagem bem que poderia refletir bastante a forma como ele se relacionava com Deus.

Durante vários momentos de sua trajetória de vida, desde o trabalho como pequeno pastor de ovelhas até tornar-se Rei em Israel, Davi foi marcado por grandes batalhas e conquistas. Em um momento lutando contra ferozes leões e ursos, em outro tendo que enfrentar grandes e poderosos exércitos e até mesmo tendo que enfrentar o risco de divisões dentro de seu próprio reino.

Entretanto, como consequência de tantas batalhas, podemos também observar uma série de conquistas que estas lhe proporcionaram. Após duríssimos embates, Davi derrotou uma série de reinos e passou a ser temido por vários povos ao seu redor. Aos poucos, conseguiu subjugar ou conseguir o respeito de cada um de seus adversários no reino. Obteve um palácio com bens, riquezas e prestígio político que invejariam homens e mulheres até mesmo nos dias de hoje.

Se você esperava que eu escrevesse agora algo sobre “sua vitória tem sabor de mel, gengibre ou hortelã”, me desculpe, mas eu não tinha a mínima intenção de te “trollar”. O que mais me chama atenção não são as grandes batalhas nem a trajetória de Davi. Não me interessa se ele estava no palco ou na plateia, muito menos as suas grandes conquistas. O que realmente me impressiona é sua Confiança em Deus.

Ao observar sua vida, vejo que para vencermos o maior gigante não necessitamos de uma grande força ou muitas armas, mas apenas confiar na estratégia de nosso General (1 Sm 17:45). Aprendi que até o exército mais preparado (Sl 20:7) ,com quantos guerreiros puder (Sl 91:7),nem mesmo quantos bens podemos possuir (Sl 49:1) pode nos trazer segurança. O maior medo de Davi não eram os castigos de Deus e nem mesmo de quantos inimigos ele poderia enfrentar. Seu maior medo era estar longe da presença de Deus (Sl 51:11). Esta foi sua maior garantia e confiança durante todos os dias!

Nós, humanos, fomos feitos do barro (Gn 2:7). Como consequência disso, estamos eternamente à procura de um lugar para pisarmos, de alguém ou algo que possa nos trazer segurança. A grande pergunta a ser feita é: até onde vai o limite de sua confiança?

Queridos, quando falamos de Deus, não se trata daquilo que podemos possuir, sentir ou enxergar ao nosso redor. Não se trata de quantos inimigos ou obstáculos temos que atravessar. Se as situações que passamos são boas ou ruins, a questão é em QUEM de fato depositamos a confiança em nossas decisões.

O CÉU realmente nos transmite uma mensagem. Nos mostra que, apesar de todas as circunstâncias ou coisas que acontecem aqui na terra, ELE permanece soberano e acima de todas elas. Mantenha o foco certo de sua vida! Olhe para o lugar que realmente vale a pena (Sl 121:1-2). É de lá que virá o seu socorro!

Que esta seja a SUA confiança! Que seja a sua trilha sonora e guia por todos os dias. Independente da situação ou do que possa acontecer, lembre-se:
O CÉU AINDA É O LIMITE.

Um abraço, fiquem com Deus!


0 comentários:

Postar um comentário