Rss
0

Um "breve" comentário sobre as Testemunhas de Jeová


Por Kelvis C. de Oliveira

Nos Episódios Anteriores de Seitas e Heresias, falei um pouco sobre os Adventistas, Voz da Verdade, além de termos abordado, em duas partes, sobre a história da Bíblia (Parte I e Parte II), rebatendo uma das errôneas afirmações da Igreja Católica. Neste episódio, falarei sobre as Testemunhas de Jeová,  e que provavelmente terá continuação. Beleza assim? Então, vamos lá.

Quem nunca se deparou com um TJ? Acho que muitos de nós, já tivemos o "privilégio" de ser abordado por um e de escutar algo vindo da parte deles. 

As Testemunhas de Jeová foi fundada por Charles T. Russell, este que passou pelas Igrejas Presbiteriana, Congregacional e Adventista, antes de formar a seita. Ficou conhecido por pregar um evangelho estranho. Pouco tempo depois, a Sociedade Torre de Vigia é formada (calma, O Superman e o Arqueiro Verde não tem nada a ver com isso, rsrs).


Com a formação da Torre de Vigia (Corporação das Testemunhas de Jeová), não demorou muito para que o Evangelho estranho pregado por Russell fosse divulgado. E foi a partir da "Zion's Watch Tower", hoje em dia A Sentinela, que as doutrinas iam se tornando públicas. Charles T. Russell, profetizou a data da segunda vinda de Cristo para o ano de 1914, o que não ocorreu. Mudou de idéia, e disse que era em 1915, o que também não aconteceu.

Em "Studies in the Scriptures" de Russell, página 101 do II Volume está escrito:

"A 'batalha do grande dia do Deus Todo Poderoso' (Apocalipse 16.14), a qual terminará no ano de 1914 A.D. através da destruição completa do governo da terra, já tem sido iniciada".

Russell morreu em 1916, e deixou o legado para J.F. Rutherford, este que, continuou a profetizar a segunda vinda de Jesus, mas para ele, seria no ano de 1918 e 1920, além do Milênio, que seria em 1925 e o Armagedom em 1942.

Joseph Franklin Rutherford
Pra se ter uma idéia, Rutherford proibiu dos casais terem filhos e os jovens de se casarem, devido ao Armagedom, profetizado para aqueles dias. Com Rutherford, as Testemunhas de Jeová sofreu mais de 140 alterações doutrinárias. Rutherford faleceu, e quem assumiu a presidência foi Nathan Knorr, e em seu legado a Torre de Vigia publicou sua própria tradução da Bíblia: Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas.

Uma observação importante, é que as Testemunhas de Jeová igualam seus escritos a Bíblia Sagrada, afirmando que são de mesma Autoridade. Russell, fundador das TJ, chegou a afirmar em Watchtower:

"Os seis tomos de Estudos das Escrituras constituem praticamente a Bíblia. Não são meramente um comentário acerca da Bíblia ... Não se pode descobrir o plano divino estudando a Bíblia. Se alguém colocar de lado os estudos, mesmo depois de familiarizar-se com ele ...e se dirige apenas a Bíblia, dentro de dois anos volta às trevas".



Vamos dar uma olhada nas afirmações?

Fiz um quadro em que estão as principais doutrinas das Testemunhas de Jeová, e como refutá-las. Espero que seja de ajuda e utilidade.



* As Testemunhas de Jeová ensinam que Jesus é o Abadom (Ap 9.11), e que se tornou Cristo só depois de ser batizado no rio Jordão por João Batista. Em "deve se crer na trindade?" das Tj está escrito:

"Visto que a Bíblia chama humanos, anjos e até mesmo Satanás de 'deu[es]', ou poderoso [s], o superior Jesus no céu pode corretamente ser chamado de 'deus'".

E em "Conhecimento que conduz a vida eterna" diz:

"Isto nos leva a 29EC, exatamente o ano em que Jeová ungiu jesus com espírito santo. jesus tornou assim 'o Cristo'".


A questão dos 144, tratarei mais a frente. Então galerinha, dúvidas? Deixe um comentário, que vou tentar esclarecer, beleza? 

Um Grande Abraço!

Continua no próximo episódio ...









0 comentários:

Postar um comentário